terça-feira, 17 de janeiro de 2012

Não vou desistir.

Sinto a brisa fria tocando a minha pele e me fazendo arrepiar. Fixo o meu olhar para as estrelas e sei que sou livre. Livre das preocupações e livre para ter o desapego. Desapego dos problemas, das máscaras sociais e principalmente dos sentimentos ruins. Assim como as ondas do mar nunca desistem em alcançar toda a areia de uma praia, eu nunca vou desistir dos meus sonhos. Nada mais importa. Nenhuma palavra negativa será plausível para provocar a desistência, pois os sonhos quando nascem só são enterrados pelos seus donos.

"Devo sonhar um sonho a cada dia, pois no final os sonhos irão superabundar todo e qualquer pesadelo."

7 comentários:

  1. Nossa, que força esse texto hein?
    realmente me passou a mensagem que eu precisava ouvir!
    parabéns poeta,tu escreve com a alma.

    ResponderExcluir
  2. nossa, muito lindo se eu pudesse pegaria até emprestado rs palavras profundas das quais necessitamos ouvir :) meus Parabééns

    ResponderExcluir
  3. NOSSA³ teu texto é incrível pow, parabéns, como as meninas já disseram aí em cima, ele é poderoso e passa uma mensagem muito forte de auto superação, adorei suas palavras...ficarei por aqui xD parabéns pelo talento!!!

    ResponderExcluir
  4. Muito obrigado mesmo e Thaís você pode pegar emprestado, só citar os créditos ficarei grato.

    ResponderExcluir
  5. Hello there, simply becosbobetme alert to your weblog thru Google, and found that it’s really informative. I’m gonna watch out for brussels

    ResponderExcluir
  6. Boa tarde Sonhador. Adorei seu estilo de escrever, é realmente muito bonito.
    Também sou apaixonada pelas palavras, se interessar, dá uma passadinha no meu blog.
    Abraços! :)

    ResponderExcluir
  7. Lindo! amei conhecer esse espaço
    Preciosa Maria

    ResponderExcluir